Saturday, June 28, 2008

mirror mirror...i command...who´s the fairest one of all?




a minha vida decorre atrás de um vidro inquebrável. olho-a atentamente enquanto procuro entender o enredo. não consigo sentir...não me é possível tocar as personagens envolvidas, não consigo ouvi-las conversar, não posso provar o sabor do que é meu...apenas assisto estática, incapacitada.
preciso gritar bem alto, fazer quebrar o vidro que se coloca entre mim e a minha própria vida. preciso de me insurgir contra mim mesma, ganhar-me horrores, sentir-me desprezo, só depois posso voltar a sussurrar o meu nome baixinho e sentir.





Há momentos em que é muito difícil sermos nós mesmos, estou a encontrar-me.

saudades disto, saudades vossas

3 comments:

Português Suave said...

Gritar é tão bom, ao contrário do que o politicamente correcto defende.
Grita, solta-te :)

Deixa-me adivinhar, a Lindeza ou a Margarida, certo? Fundão...right? (:
Beijinho

Sara Viana said...

Gosto.

Tás de parabéns...

Sv

Pedro Lopes said...

finalmente voltaste a escrever! é óptimo voltar a ler-te embora não seja o tema que mais gosto...talvez por ler estas coisas e achar que não sou suficiente para ti... que não te consigo mesmo perceber...

mas grita! (comigo não que eu ouço-te bem =P )

AMO-TE