Monday, February 20, 2012

words in my mouth

nunca quis verbalizar-te. sabia que quando te tornasses palavras, serias finalmente real. até aqui não foste mais do que uma lembrança longínqua. conseguimos banalizar-nos de tal modo, que tudo foi tão simples, tão natural.
evitámos trocar palavras sérias. as palavras passam rapidamente a sentimentos, a emoções.
tu e eu sabíamos isso. não seria errado até essas palavras saírem das nossas bocas. não seria importante até um de nós tocar um no outro com palavras. passaram tantos dias que perdemos a conta e em nenhum desses dias exististe.
hoje existes. agora somos palavras. depois das palavras tudo em ti, de repente, se torna real. a tua mão. os teus olhos. o teu cabelo.
agora olhamos um para o outro. agora perdemos a capacidade de falar porque apenas queremos soltar as mesmas palavras.
agora que nos verbalizámos, não sei o que te dizer.

1 comment:

palavraderita said...

nem sempre falar é o melhor remédio!
you know they say... "It is better to remain silent and be thought a fool than to speak out and remove all doubt"